Fundação renova convênio com PUC Minas

A PUC Minas e a Fundação José Fernandes de Araújo assinaram renovação de acordo para concessão de Auxílio Financeiro Educacional  para estudantes carentes da PUC Minas que estejam cursando a partir do 2º período dos cursos de graduação da Universidade.
A solenidade de assinatura ocorreu no dia 26 de setembro, na Galeria de Fotos do prédio 2, Campus Coração Eucarístico da Universidade. Estiveram presentes, pela FJFA, o Superintendente, Sérgio Rabelo e a assessora de Comunicação e Projetos, Graziela Cruz, e pela PUC Minas, o reitor  e bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães; o chefe de gabinete do reitor, professor Paulo Roberto de Sousa, e o pró-reitor de Gestão Financeira da PUC Minas e diretor de Finanças e Controladoria da Sociedade Mineira de Cultura, professor Paulo Sérgio Gontijo do Carmo.

Dom Joaquim Mol dedicou a solenidade ao cardeal Dom Serafim Fernandes de Araújo, presidente honorário da Fundação, arcebispo emérito de Belo Horizonte, ex-reitor da PUC Minas e ex-presidente da Sociedade Mineira de Cultura, mantenedora da Universidade. “Queremos destacar a importância desse ato (de assinatura), que aparentemente é singelo, mas que no fundo representa uma injeção de possibilidades nas vidas dos jovens”, destacou o reitor Dom Joaquim Mol. “Dom Serafim está na raiz que sustenta toda esta árvore viva que é a igreja particular de Belo Horizonte, marcou profundamente a história de todos nós”.

Dom Mol prosseguiu dizendo que esta parceria entre as duas Instituições “mais uma vez reconhece que o que de fato transforma a vida das pessoas são essas ações mais profundas, que exigem mais a colaboração das pessoas. Ação profunda de educar, de ensinar, de transformar o jovem que busca espaço dentro do mundo, até mesmo para respirar”.
O reitor Dom Mol disse que, quando a Fundação concede o auxílio financeiro educacional, ela se torna um conjunto de pessoas consagradas sob o ponto de vista espiritual, cuidadas, amadas, como Dom Serafim gosta sempre de dizer, “na palma da mão de Deus”.
“Se a PUC Minas abandona esse caminho, ela passa a ser infiel à sua vocação primeira”. O reitor agradeceu à Fundação e ao próprio Dom Serafim, que por sua vez se inspirou no próprio pai “por nos ajudar nesta parceira de andarmos de mãos dadas, a construir, a modificar e a transformar vidas”.

Referência: Assessoria de Imprensa PUC Minas

IMG_0496

IMG_0525